Pizzato Brut 2007


No cenário mundial de vinhos, qual é o futuro do Brasil? Ou melhor, o Brasil tem futuro? A resposta: sim, tem, pelo menos em um segmento – o de espumantes. A cada ano, produzimos ótimos espumantes que, se não chegam aos tops do mundo, não fazem feio perante eles. Aqui está o Pizzato Brut para corroborar essa nossa opinião. Feito pelo processo conhecido como champenoise, em que a segunda fermentação ocorre na garrafa, este espumante à base de chardonnay (70%) e de pinot noir (30%) impressiona pelo frescor e leveza. Complementam suas qualidades o aroma e o paladar de frutas cítricas, a perlage (bolhinhas) finas, a correta acidez, o bom equilíbrio. E o custo-benefício? Este é o “ponto forte dos fortes” deste espumante, pois indiscutivelmente tem um preço aquém de suas virtudes. E não há nessa constatação nenhum estímulo para que a Pizzato mude a política de preço e passe a cobrar mais por seu brut. Pelo contrário, é um elogio porque entendemos que ela está no caminho certo – vinhos bons e preços condizentes com a realidade econômica do Brasil – e uma crítica às vinícolas nacionais que não seguem esse caminho.
Aos que ainda não têm o espumante das festas de fim de ano, a dica está dada.

Onde comprar: Espumantes Web (
www.espumantesweb.com.br)
Quanto custa: cerca de R$ 30,00
Classificação: muito bom

4 comentários:

Cristiano Ferronato disse...

Gostei muito do seu blog vou colocar na minha seleção de preferidos.

Avaliador de Vinhos disse...

Obrigado, Cristiano.

E o blog não é meu - é nosso!

Saúde e paz!

Malu disse...

Olá, adorei o post...
muito tem se comentado sobre combinação de vinhos/espumantes com chocolates que tem dado muito certo... você acha uma boa? que espumante recomendaria para tal combinação?

AVALIADOR DE VINHOS disse...

Malu, nunca fiz a combinação "chocolate-espumante", mas acho que um espumante docinho, como o moscatel, entraria bem nessa combinação.

Eu, particularmente, harmonizo chocolate com vinho do Porto ou com moscatel de Setúbal.

Forte abraço!